Notícias

Proibição de cigarros eletrônicos é novamente questionada

julho 2023

Em Julho de 2022, a ANVISA reiterou a proibição dos cigarros eletrônicos e tabaco aquecido, mesmo com o crescente número de usuários. Desde 2018 a quantidade de “vapers” mais que quadruplicou, atingindo em 2022 a marca de mais 690 mil dispositivos no pais.

Em uma matéria recentemente publicada pelo informativo ECigIntelligence, nosso sócio Dr. João Marcelo Assafim, comentou, sob o aspecto de saúde pública, alguns pontos importantes que devem ser ressaltados ao analisarmos esta questão em nosso país.

“The number of illegal users turns on a big yellow light as a public health issue. The Health Surveillance Agency has to take a strictly technical, cold position in the name of public health.”

O debate, que precisa ir além das questões de saúde, também toca no quesito de regulação, visto que hoje, mesmo proibido, cresce cada dia mais o uso de cigarros eletrônicos e tabaco aquecido.

“The ideal would be a regulation with stringent technical parameters that, in fact, guarantee public health as foreseen by the constitution.”

Clique aqui para ler o conteúdo completo da matéria.

De Lima Assafim

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.